01 novembro 2015

Sobre feminismo e movimentos sociais


Tem algumas coisas que eu tenho notado nesses três anos de militância no feminismo, uma delas  é que feminismo é confundido muitas vezes com um partido, ou uma preferência partidária. Feminismo vira uma bandeira ideológica, como se fosse um outro tipo de machismo e como se tivesse realmente um partido político por detrás disso. Feminismo é um ato político, tudo é um ato político, lutar por direitos é um ato político. Mas repito, feminismo não é um partido. E vê-lo assim é que faz as pessoas pensarem nele como o inverso do machismo. Feminismo é um conceito. 

Pensar no feminismo como um outro tipo de opressão é inverter o real sentido do movimento, é confundir a luta, é mudar seu foco. Parece que temos um sério problema no que a nomeação desse movimento carrega quando dito. Um problema de semântica. O sentindo que deve ter quando alguma mulher diz "eu sou feminista" é que essa mulher participa de um movimento de luta. Isso. Luta por igualdade, protagonismos e questões urgentes que necessitam que as mulheres se organizem em um movimento (o feminismo) para que eles aconteçam. 

Se o sentido não for esse, então temos um outro grande problema no que os movimentos sociais estão se tornando. Quando eu digo a alguém que sou feminista, não quero que nenhuma bandeira partidária me represente, não quero que nenhum rótulo se forme. Outra coisa também que deve ser refletida sobre todos os movimentos sociais é a mudança de foco da luta, a substituição por ódio e a perda do real motivo do porquê lutar por tal causa.

Esses dias estava em um grupo no Facebook que foi feito para compartilhar receitas veganas, e entre um comentário ali e aqui percebi que tinha mais gente reclamando das pessoas que postaram foto da bolacha que não é considerada vegana, do que de fato dividindo a experiência de aderir a essa forma de vida. Assim que o foco da luta vai se desviando, tratar mal as pessoas, e ter ódio não é o motivo de lutar por um modo alimentar e de vida que visa não matar os animais, não degradar a natureza. Do que adianta ter tanta vontade de mudar de um lado, e regredir em outros pontos? 

E o ódio parece presente no discurso de ativistas de muitos desses movimentos, e há ausência do principal: cooperação. Ajudar de verdade, levantar e agir de fato. Acredito nos grupos que não se pautam apenas na teoria ou na criação de um rótulo, vou dizer pelo feminismo, pois é o que mais faz parte da minha vida, mas isso serve para outros. Acredito no feminismo que torna mulheres cada vez mais, principalmente as das classes sociais mais baixas, protagonistas, a terem perspectiva de vida, enxergarem mudanças, acredito nas mulheres de coletivos que vão atrás de questões sérias que podem ser resolvidas, que estão ali usando a sua voz e ajudando outras a terem voz também, que não se limitam só em publicar coisinhas nas redes sociais sobre o quanto as mulheres são oprimidas, mas que na hora da verdade, faça algo para mudar. Se não for assim, então toda luta é em vão.







8 comentários:

  1. Obrigada pelo post, querida. Concordo com muitas coisas que você disse, ótimo ter publicado no nosso coletivo, bom para outras meninas verem tbm.
    Beijinhos, boa semana!!

    ResponderExcluir
  2. Isso aí! Muita gente luta por umas coisas e depois se contradiz com outra, desnecessariamente. Acerta em uns pontos, mas erra em outros. Conheço muitas pessoas que são assim.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Adorei a forma como abordou o assunto. Sem deixar de mencionar algo que falou muito verdadeiro, independente do assunto, sempre vai ter pessoas que se contradizem no que dizem. Acredito que buscar a igualdade é algo muito válido, de verdade. Mas o erro mais recorrente que eu vejo em pessoas que se dizem feministas, é generalizar. Se é homem não presta e coisas do tipo, isso de fato me irrita. Sou homem, mas se ver um garota de roupa curta na rua, não acharei que posso estrupar-la por isso. Mais uma vez enfatizo, excelentes suas palavras.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde! Tudo bem?
    Estou tentando voltar com meu blog e gostaria que você voltasse por lá qualquer hora dessas, se puder, é claro.
    Desculpe o comentário copy-cola, mas somente dessa vez tô usando ele pra conseguir passar em todos os blogs e filtrar os que estão ou não ativos com rapidez. Espero que entenda.
    Beijinhos... te espero lá ;*
    www.espinhapunk.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...