31 julho 2015

Texto: Redenção


Quanto tempo eu fiquei debaixo d'água? Sufocada, todas as palavras viraram bolhas, e na superfície boiava todas aquelas que não disse antes de todos nós nos afogarmos. Em vão. Se concedêssemos o esquecimento em cada nota errada, piso em falso ou nas tentativas infiéis de construirmos algo, voltaríamos ao fundo do poço e debaixo d'água, sem mais nada, só restaria a dúvida de cada existência.

Não adianta esconder meus olhos, passou tudo tão rápido, e estou me rendendo, com o peso da ida andando colado a nossa sombra, na sola de nossos sapatos, nas minhas escolhas. Não estou mais triste e eu procurei um lugar nessa maré, mesmo estando sempre de partida. Eu nunca sei quanto tempo iremos ficar aqui até dizermos adeus outra vez, olhando para trás como crianças, quando nós crescemos mesmo? Eu esqueci. A velha cidade, os velhos rostos e os velhos medos.

A gente percebeu que o tempo é lei, quase não há mais folhas nos blocos de notas, cada dia riscamos algo feito e há mais. Vemos tudo se repetir, e nossos questionamentos ficam colados no teto do quarto, testemunha das noites em que não dormimos. As vezes pergunto porque corremos tanto, quando parece perder o sentido? Encontramos dentro de nós abrigo e cativeiro, até nos perdemos e nos encontrarmos sem saber quando começa um e termina outro.

Fotografamos as pálidas manhãs, os olhos e os lábios. Se o tempo é lei, o momento é rei. De cada um. A gente se mete em cada uma, só para registrar vida por aí em nome de algo que não sabemos ao certo, estamos apenas testemunhando o amor, a dor e a glória e nos rendendo, por fim.









18 comentários:

  1. Que texto lindo! Me tocou

    ResponderExcluir
  2. Sabe aquele tipo de texto que você lê uma vez, mas sente que precisa ler outra, e outra... E que nunca te dá vontade de abandonar? Amei a forma como apresentou suas ideias E as ideias.

    http://eujovemdemais.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa fico imensamente grata e feliz de ler isso <3 <3
      Obrigada!

      Excluir
  3. Olá, adorei a profundidade em seu texto.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pela visita ao meu blog. Estarei sempre por aqui agora.
    Boa semana!

    http://www.jj-jovemjornalista.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, será sempre bem vindo!
      Boa semana, também.

      Excluir
  5. Que texto lindo gente <3

    Beijos
    needfulglam.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Fico feliz em saber, obg <3
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Que texto mais lindo! Escreve muito bem, continue assim! O modo como você escreve é suave e agradável!

    bjs
    blogtrashrock.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico tão contente de saber disso, obrigada!!!

      Excluir
  8. Que texto lindoooo e bem escrito. Nos faz pensar!
    Beijocas

    rendasepaetes.com

    ResponderExcluir
  9. Que bom, essa é uma das intenções, fico feliz de saber que consigo fazer isso <3
    Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  10. O mais profundo sentimento em palavras. Texto lindo!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...